Descubra qual o grau da sua celulite

A notícia do dia são as falsas celulites da Adriane Galisteu. Mas e as suas, queridinha?

Redação Viva! Mais

Saiba como está a sua celulite | <i>Crédito: Shutterstock
Saiba como está a sua celulite | Crédito: Shutterstock
A notícia do dia, que quebrou é a internet, foi o fato da atriz e apresentadora Adriane Galisteu ter surpreendido seus seguidores hoje ao compartilhar uma foto de seu bumbum em seu perfil no Instagram. No clique, ela teria exibido celulites e desabafado: “Eu escolhi não me esconder“. Muita gente não acreditou na declaração (e não é que a foto era falsa?!), mas e você, como está com "suas celulites"? Montamos um teste pra saber, vem ver!


1. Como é a região em que a celulite está presente?
a) Tem aspecto acolchoado.
b) É bastante dolorida e mais seca do que o resto do corpo.
c) Só é vista sob a luz ou durante o movimento.
d) Tem aspecto de casca de laranja.

2. Sua celulite aparece quando...
a) Fica de pé, sem nenhuma manipulação.
b) É evidente até mesmo sob as roupas.
c) Apenas quando a pele é pinçada ou com a contração da musculatura local.
d) Entre nódulos claramente perceptíveis e poros dilatados.

3. Ao apalpar a região, você sente...
a) Aumento do volume da pele e ondulações.
b) Diversas depressões, inchaço em locais concentrados, pele fria e seca.
c) Pouca ou nenhuma alteração em relação a outras regiões.
d) Finas granulações nos planos profundos e pouca elasticidade.

4. A sensação no local é...
a) Raramente inchada.
b) Bastante dor e cansaço.
c) Normal, a pele é plana.
d) Alguma dor e acolchoamento da pele.

5. Em situações em que o corpo está mais inchado, você sente:
a) Um pouco mais de cansaço na região e os vasos ficam mais espremidos.
b) Muita dor, nódulos inchados e circulação do sangue comprometida, precisando deitar-se com as pernas para cima.
c) Nenhuma dor ou cansaço específico na região.
d) Dor e circulação do sangue comprometida, precisando deitar-se com as pernas para cima.

MAIOR NÚMERO DE RESPOSTAS C) - GRAU 1 LEVE
A celulite é assintomática, não é muito visível, não se observam alterações clínicas, sem ondulações ou irregularidades, a superfície da área afetada é plana quando se está deitado ou em pé, mas as alterações podem ser vistas quando se pinça a área com os dedos ou sob contração da musculatura local, sob a luz ou durante o movimento.

MAIOR NÚMERO DE RESPOSTAS A) - GRAU 2 VISÍVEL
A celulite já é visível, o aspecto de casca de laranja ou acolchoado é evidente quando o indivíduo está em pé sem nenhuma manipulação (pinçamento ou contração muscular). As células de gordura aumentam de volume, os vasos ficam mais espremidos, comprometendo o sistema linfático.

MAIOR NÚMERO DE RESPOSTAS D) - GRAU 3 INTENSA
Nódulos claramente perceptíveis. Pode haver dor local, pele acolchoada e/ou com aspecto de casca de laranja à inspeção estática, sensação palpatória de finas granulações nos planos profundos. Há também a diminuição da elasticidade, com a circulação comprometida, sentindo a pele mais fria. Por estar mal nutrida, sua textura pode se tornar mais seca e áspera, com os poros dilatados. “É a partir desse estágio que começam os primeiros sinais de dor e o inchaço fica bem evidente”, descreve Dra. Receba Nadaluti.

MAIOR NÚMERO DE RESPOSTAS B) GRAU 4 GRAVE
É o último estágio da celulite e, consequentemente, o mais grave. A pele fica com diversas depressões e com aspecto “acolchoado”. A celulite fica evidente até mesmo sob as roupas. “O inchaço das células gordurosas é acentuado, há formação de nódulos de fibrose maiores e que se tornam muito mais doloridos, pois os nervos são comprimidos, alguns pontos da região afetada ficam enrijecidos e há comprometimento da circulação, tornado a pele ainda mais fria na região”, explica a especialista em cosméticos.

05/07/2017 - 06:00

Conecte-se

Revista Viva Mais