A importância dos passeios com o pet

Seu bichinho passa o tempo todo preso em casa? É hora de mudar isso!

Camila Mello, adestradora da Cão Cidadão

Passear com o animal de estimação é muito importante | <i>Crédito: Shutterstock
Passear com o animal de estimação é muito importante | Crédito: Shutterstock
Há quem diga que prefere ter um cão de pequeno porte para não ter que se preocupar em levar o bichinho passear.

Muitos tratam o fato de levar o pet para passear como uma obrigação desagradável. Grande engano!

Independentemente do porte do animal, é essencial que os proprietários se preocupem com o bem-estar do cãozinho e, neste caso, passeios trazem inúmeros benefícios ao animal.

Passeios regulares são um estímulo físico e mental para o cão. Para os pets, sentir os cheiros da rua, os sons e perceber as movimentações é como se ele estivesse em um parque de diversões.

Além do aspecto do lazer, é importante para a saúde do pet ter exercícios regulares, isso ajuda a combater o sedentarismo que pode levar a obesidade e a outros problemas de saúde para seu melhor amigo.

Ademais, os passeios ajudam e estreitam os laços entre você e o pet, é um momento de interação e lazer para ambos, que deve ser aproveitado ao máximo. Isso trará benefícios, inclusive para a saúde humana.

Pensado ainda no bem-estar do pet, é importante que ele seja sociável com outros cães e pessoas, e o fato de passear regularmente ajuda na socialização, já que poderá ter contato com outros pets e outras pessoas.

É importante destacar que passeios regulares ajudam no gasto de energia do cão, é um grande aliado nos casos de cães hiperativos, por exemplo. Cão cansado, é cão estimulado, é cão feliz.

Para que nada estrague o momento descontraído, recomenda-se que durante o passeio o cão sempre esteja na guia, ainda que estejam em local tranquilo, de pouco movimento, isso porque qualquer estímulo externo ou mais interessante que a companhia do dono, pode levar o cão a não atender seu chamado, e isso pode causar algum acidente.

Outra dica essencial é: mantenha seu cãozinho sempre com uma plaquinha de identificação, contendo o nome dele e os telefones de contato dos tutores. Cães que usam plaquinha de identificação tem mais chances de voltar para a casa sãos e salvos, caso se percam de seus donos.

14/03/2017 - 07:00

Conecte-se

Revista Viva Mais